16 fevereiro 2007

Um Presente Muito Especial!


O homem por detrás do balcão olhava a rua de forma distraída. Uma garotinha aproximou-se da loja e amassou o narizinho contra o vidro da montra. Os olhos da cor do céu, brilharam quando viu um determinado objecto. Entrou na loja e pediu para ver o colar azul turquesa.
- É para minha irmã. Pode fazer um embrulho bem bonito? disse ela.
O dono da loja olhou desconfiado para a garotinha e perguntou-lhe:- Quanto dinheiro você tem?
Sem hesitar, ela tirou do bolso da saia um lenço todo amarradinho e foi desfazendo os nós. Colocou-o sobre o balcão e feliz, disse:
- Isto dá?Eram apenas algumas moedas que ela exibia orgulhosa.
- Sabe, quero dar este presente para minha irmã mais velha. Desde que morreu nossa mãe ela cuida de nós e não tem tempo para ela. É aniversário dela e tenho a certeza que ficará feliz com o colar que é da cor de seus olhos.
O homem foi para o interior da loja, colocou o colar num estojo, embrulhou com um vistoso papel vermelho e fez um laço caprichado com uma fita verde.
- Tome, disse para a garota.
Leve com cuidado.
Ela saiu feliz saltitando pela rua abaixo.
Ainda não acabara o dia quando uma linda jovem de cabelos loiros e maravilhosos olhos azuis entrou na loja. Colocou sobre o balcão o já conhecido embrulho desfeito e indagou:
- Este colar foi comprado aqui?
- Sim senhora.
- E quanto custou?
- Ah, falou o dono da loja. O preço de qualquer produto da minha loja é sempre um assunto confidencial entre o vendedor e o cliente.
A moça continuou: "Mas minha irmã tinha somente algumas moedas" O colar é verdadeiro, não é? Ela não teria dinheiro para pagá-lo"
O homem tomou o estojo, refez o embrulho com extremo carinho, colocou a fita e o devolveu à jovem.
- Ela pagou o preço mais alto que qualquer pessoa pode pagar. Ela deu tudo o que tinha.
O silêncio encheu a pequena loja e duas lágrimas rolaram pela face emocionada da jovem enquanto suas mãos tomavam o pequeno embrulho.

11 comentários:

Andreia do Flautim disse...

Tanto a menina como o vendedor tiveram um grande coração!:)

Beijinho e bom fim de semana.

sofia disse...

É .....dar tudo o que temos...às vzes a dificuldade não é essa...é aprender a receber tudo o que os outros nos dão....
Sofia

Anónimo disse...

Retribuindo as tuas beijocas... com chuva ou sem chuva, hehehe....
A chuva lava-nos, refresca-nos, permite que a terra produza mais e mais quando o sol brilha!
GOD BLESS YOU.
T.
(T. de Tinoca Laroca, heheheh)

Anónimo disse...

Como sempre uma historia de encantar, amar e dar que pensar, que só poderia ter vindo do Cartaxo.
Um grande beijo virtual para ai, que Deus a abençoe e ilumine, para nos ir dando estas historias que nos poem a pensar como somos pequeninos em relação ao amor de muitas outras pessoas.
Caqueiroz

amo-te casa disse...

Olá! Queria agradecer o comment tão simpático! Já agora, como foi lá dar?

Entretanto pode espreitar os meus outros cantinhos:

www.blog.portaljunior.com/Graozinhos
www.mundopinque.spaces.live.com
www.amo-te-casa.blogspot.com

amo-te casa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Papoila disse...

Ola querida, desejo-te um bom dia recheado de maravilhas e flores de mel! Ontem escrevi-te um comentariozinho mas por algum bloqueio informatico nao ficou registada, pena!!!
Um bjinho cheio de cor para ti e toda a familia,

elsa nyny disse...

Olá Linda!!

Que história encantadora! Adorei! E que grandes corações!

Beijinhos!

:))

david santos disse...

Olá!
Lindo!
Bom fim-de-semana

elsa nyny disse...

Linda!!!

Desejo-te um optimo Domingo!

Beijinhos!
:)

Papoila disse...

Ola Anita vim deixar-te um bjinho,

prémios e miminhos ganhos